Dejetos históricos

Cretinice!
Cretinice!
Os cachorros tomam o picadeiro!
São chiwawas que se acham rottweilers
Latem alto e cospem na cara
De qualquer outra espécie
Que atreva a desafiar
– o heterossexualismo –

Seita milenar e religião obrigatória
: todo aquele que a defende cegamente
com unhas e dentes
esconde uma ponta de curiosidade
De transgredir

A questão é simpes:
Homens heteros buscam mulheres heteros
Mulheres heteros buscam homens heteros
Mulheres gays buscam mulheres gays
Homens gays buscam homens gays
Homofóbicos buscam homens gays

[Mas não, alguém dirá, preconceitos são preconceitos, igual para todos, brancos, negros, heteros, gays etc.]

[No dia que se tiver notícia de um homem branco espancado por estar beijando uma mulher também branca, favor encaminhar ao serviço secreto inglês: eles estão buscando este caso]

Homofóbicos:
Tornar-se-ão dejetos históricos
Excomungados pelo tempo
Um detrito amórfico na memória humana
Como os neandertais
Que confundiam amantes e vítimas

Serão ceifados pela roda da história
Que impiedosa esmaga
Quem não acompanha o tempo
Quem não exercita perspectivas
Ou são carentes de empuxo
Para poder emergir do mar de merda
Que são suas idéias

Toscos!
Abjetos!
São o vômito de uma sociedade doente
Bulímica da beleza holística
Que numa diarréia aguda
Defeca sua própria diferença
E torna-se sua imagem
E semelhança

Não servirão nem de adubo
Para os novos dias

Serão esquecidos
Apodrecidos
No ventre de um verme

Para sempre
Amém.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s